Tutorial AirAsia Asean Pass Parte II: Compra do Passe e Resgate dos Voos

Depois de entender como o programa de créditos funciona e ter simulado as rotas desejadas, está na hora de partir para a segunda etapa do processo: a compra do passe e o resgate dos voos.


AirAsia Asean Pass

Agora que vocês sabem tudo sobre o programa de créditos e como montar suas rotas, tá na hora de partir para a próxima etapa: Tutorial AirAsia Asean Pass Parte II: Compra do Passe e Resgate dos Voos desejados.

Não sabem como o passe funciona ou estão com dificuldade para montar o roteiro? Explico tudinho no Tutorial AirAsia Asean Pass Parte I: Créditos e Rotas. Se vocês já leram esse post, sigam em frente!





Como comprar o AirAsia Asean Pass?

Depois de montar e simular o roteiro, é hora de comprar o AirAsia Asean Pass da sua escolha (10 ou 20 créditos).

A escolha do tipo de passe vai depender da duração da sua viagem e da quantidade de lugares visitados.

No momento da seleção há a possibilidade de escolher a moeda em que o passe será cobrado. Independente do tipo de passe escolhido selecionem a moeda de pagamento em Malaysian Ringgit (MYR).

Por alguma variação do sistema da AirAsia, o valor cobrado quando selecionamos Malaysian Ringgit ao invés de Dólares Americanos é muito mais barato!

Escolhi o passe de 10 créditos (U$160,00) e selecionei MYR como moeda. Quando a cobrança foi faturada em meu cartão de crédito, foram cobrados apenas U$120,00 (499,00 MYR). Economia de U$40,00, hein? Anotem essa dica!

Na opção “Choose your Currency” é possível escolher em qual moeda o valor será cobrado. Selecionem Malaysian Ringgit(MYR) para pagar um valor menor! (airasia.com)

Depois de selecionar a moeda, clique em Buy now. O site fará um redirecionamento para a página de log-in do AirAsia Big Member. Para continuar com o processo de compra é necessário se cadastrar.

 

Faça o cadastro no AirAsia Big Member para prosseguir com a compra. Guarde bem o seu e-mail e senha utilizados no cadastro, você precisará deles pra fazer qualquer alteração no seu passe (airasia.com).

Com o cadastro pronto, façam o log-in na conta e procedam com a compra de um ou mais passes. É possível comprar até 5 passes utilizando a mesma conta.

Os passes adquiridos juntos serão acessados apenas pela conta na qual foram comprados. Porém, a qualquer momento o dono da conta poderá nominar cada passe com o seu respectivo usuário.

Depois de selecionar a moeda (MYR), escolha quantos créditos deseja e compre de 1 a 5 passes. Em seguida, um ticket será gerado para cada passe contendo a quantidade de créditos escolhida (airasia.com).

Deixem para nominar os passes apenas momentos antes de resgatar os voos. Assim que o primeiro voo for resgatado, não há como transferir o passe para outra pessoa caso haja algum imprevisto.

Sem nomear e sem resgatar os voos, o passe é válido por 1 ano, sendo possível redirecioná-lo para outra pessoa caso seja preciso. Por esse motivo, resgatem os voos quando a viagem realmente estiver programada!

 

Quando a compra do passe for efetuada será possível visualizar esse ticket contendo o número de créditos restantes e área para registro do proprietário do passe. Como eu disse antes, deixe para nominar o passe apenas quando estiver certo sobre a viagem. Depois do registro nominal e feito o resgate do primeiro voo, não é possível alterar o usuário do passe (airasia.com).

Como fazer o Resgate dos Voos?

Segundo o Regulamento da AirAsia Asean Pass, os voos podem ser resgatados no mínimo 14 dias antes da data de partida, por isso não deixem nada pra última hora!

Disponibilidade dos Voos

Antes de resgatar os voos é preciso estar muito atento à disponibilidade oferecida pela AirAsia, pois após o resgate não é possível mudar o voo sem alto custo adicional. A disponibilidade dos voos varia de acordo com a temporada, origem ou destino.

Em 2016 o site da AirAsia tinha uma tabela informando a disponibilidade de assentos de acordo com o mês, origem e destino.

Antiga tabela informando a disponibilidade de assentos. A informação era dada de forma bem geral. O status mensal era determinado por cores em três categorias diferentes: verde (disponível), amarelo (limitada) e vermelho (pouca ou nenhuma). Nenhuma outra informação sobre o voo era passada, como por exemplo data e horário.

Em 2017 a tabela de disponibilidade foi retirada do site e substituída por uma Página de Consulta dos Voos.

Na nova página é possível buscar os voos nas datas desejadas e acessar seus respectivos horários. Porém, a quantidade de assentos disponíveis continua sendo uma incógnita.

AirAsia Asean Pass disponibilidade
Escolha o tipo de passe e simule várias origens e destinos na nova pesquisa por disponibilidade (airasia.com).

Pelo programa de crédito ser super econômico, os números de assentos dos aviões da AirAsia direcionado ao Asean Pass são bem limitados.

Por esse motivo, vários usuários reclamam sobre a indisponibilidade de voos e acabam não achando o passe vantajoso. Um problema recorrente entre os menos precavidos é se deparar com a indisponibilidade de voos em algum momento durante o resgate.

Essa situação é muito complicada, pois não há possibilidade gratuita de alterar os voos já resgatados, tendo como solução reformular toda a rota de viagem restante (o que é bem difícil!) ou alterar o voo pagando um valor adicional mais caro do que todo o valor do passe.

Quem avisa amiga é! Pra não passar perrengue, a grande jogada do passe é resgatar os voos com muita antecedência! Fazendo isso, a probabilidade de encontrar assentos disponíveis é mais alta.

Resgatei os voos do passe 3 meses antes da minha viagem e não tive nenhum problema em relação à disponibilidade dos voos. Consegui comprar os voos em todos os dias e horários programados. Estão vendo o lado positivo de ser organizada loka obsessiva?



Resgatando os Voos (Redeem)

Com a disponibilidade dos voos confirmada, basta nomear o passe e iniciar o resgate. Em seguida, no próprio ticket do passe, cliquem em Redeem e comecem a comprar os voos, um por um.

Assim que clicarem em Redeem o site abrirá uma página para a procura de voos. Selecionem o local de origem/destino e as datas de ida e/ou volta.

Página de escolha dos voos de ida e/ou volta. Nessa página também é possível simular as origens e destinos antes de efetuar o resgate dos voos. Através da simulação podemos checar os horários em que os voos estão disponíveis (airasia.com).

O passo seguinte é selecionar o voo de sua escolha. Nessa página finalmente acessamos a quantidade de voos e horários disponíveis. Basta escolher o horário do voo que melhor se encaixa ao seu roteiro e passar para a etapa seguinte, a revisão da compra.

Depois de escolher os voos de ida e/ou volta é preciso escolher o horário dos voos. Na parte “Select flights” aparecerão todos os horários disponíveis. Alguns voos, como por exemplo de Phnom Penh (Camboja) para Kuala Lumpur (Malásia) tem pouca disponibilidade de horários. Outros voos tem horários durante todo o dia, ex.: voos de Chiang Mai (Tailândia) para Bangkok (Tailândia) (airasia.com).
Depois de selecionar o voo, aparece uma página de revisão dos dados (origem, destinos, data, horário e valor da taxa) total de créditos e créditos deduzidos. A taxa do trecho de Yangon (Mianmar) para Bangkok (Tailândia) foi uma das mais caras, provavelmente por se tratar de um voo internacional. Voos domésticos costumam ter taxas menores, de Chiang Mai para Bangkok paguei U$3,00 de taxa (airasia.com).

Fazendo o Pagamento

Em seguida partimos para o 4º e último passo: o pagamento do voo resgatado. Quando montei esse tutorial (2017), o pagamento poderia ser efetuado de 3 formas: cartão VISA, MaterCard ou Big Prepaid (AirAsia).

Preencha os dados do cartão e confirme a sua reserva. Logo depois aparecerá a página de confirmação ou não da compra e um e-mail com o itinerário da viagem será enviado.

Para continuar resgatando os voos da sua rota basta clicar em Book a new trip e seguir os mesmos passos explicados anteriormente.

Na pior das hipóteses, a transação de compra pode não ser concluída e as seguintes mensagens aparecem: Need Payment, quando o banco bloqueia a sua transação por considerá-la fraudulenta e Payment Unsuccessful quando há algum erro indeterminado.

Acreditem, essas mensagens são mais comuns do que vocês imaginam! Eu mesma dei sorte e recebi todos os tipos de mensagem… Tive um ataque de ansiedade a cada resgate. Coração véi tava quase pedindo arrego. If only I knew que era super normal acontecer esse tipo de coisa… Pois é, agora vocês sabem!

Quando a mensagem de Need Payment aparece, é melhor dar continuidade aos resgates no dia seguinte pois, por segurança, o banco bloqueará todas as suas tentativas de compra.

No dia seguinte, vá para a sessão My Bookings, clique no trecho do voo com pagamento pendente e dê continuidade à transação. Tratando-se do status de Payment Unsuccessful, basta tentar resgatar o mesmo voo novamente. Uma hora vai!

Estes são os campos a serem preenchidos no momento do pagamento. Se o banco for Banco do Brasil, o sistema redirecionará para a página do Banco, onde um código será solicitado. Esse código é enviado para o telefone cadastrado na conta. Depois de inserir o código e confirmar a compra, aparece uma tela com o status da compra (airasia.com).
Essa é a mensagem confirmatória que aparecerá depois da compra ser efetivada: “Purchase Completed – Your payment is successful”. Quando algum problema com o pagamento ocorre, outras duas mensagens podem aparecer: “Need Payment” e “Payment Unsuccessful”. Comprei 8 voos e fui agraciada com todos os 3 tipos de mensagens! Né fácil, não… Tem que respirar fundo e contar até 10! (airasia.com)

É possível acessar os detalhes de todos os voos resgatados em sua conta na aba My Bookings. Lá dá pra conferir o status da compra, valores cobrados, número das reservas etc.

Aba My Bookings com todas as informações sobre os voos resgatados (data, origem, destino, número da reserva e nome). Em caso de voo com status de pagamento “Need Payment”, clique no trecho em questão e finalize a transação de pagamento (airasia.com).

Pontos mais Importantes:

– O passe não é reembolsável. Compre o passe apenas quando tiverem certeza da viagem e com o roteiro basicamente pronto. Além disso, certifiquem-se sobre a disponibilidade de assentos na época desejada;

– Antes de comprar o passe entendam o regulamento do programa e saibam se o mesmo funcionará para vocês. O passe pode não ser a melhor opção para todos;

– Compre o passe selecionando a moeda em Malaysian Ringgit (MYR), o valor final sai bem mais barato;

– Nomeiem o passe apenas quando forem resgatar os voos. Caso seja necessário, o passe pode ser direcionado para outra pessoa quando não nomeado;

– Depois do passe comprado, simulem o resgate de todos os voos para terem conhecimento sobre a quantidade de voos e horários existentes nos dias de interesse;

– Para não ter problema com a disponibilidade de assentos, façam o resgate dos voos com muita antecedência;

– Quando viajando em grupo utilizando o passe, tentem resgatar os voos ao mesmo tempo e com bastante antecedência. Quando mais de uma pessoa está resgatando o mesmo voo, a chance dos assentos esgotarem é mais alta. Não é legal ter horários ou programações diferentes quando se viaja em grupo. Programei tudo com mais duas amigas. Compramos com antecedência e simultaneamente, por isso não tivemos problemas.

– Tenham certeza sobre as rotas e quais voos resgatar. Uma vez resgatados, os voos não poderão sofrer alterações. A não ser pagando taxas altíssimas, colocando por água a baixo toda a economia do passe;



– Levem pouca coisa. Para levar a bagagem como bagagem de mão e se livrar dos serviços adicionais ($) e do tempo perdido na esteira rolante, sua bagagem não pode pesar mais do que 7 kg e nem conter frascos com mais de 100 ml. Desafio, hein?!

– Façam o check-in antecipado pelo celular ou pelos totens distribuídos pelo aeroporto. Assim é mais fácil não conferirem o peso da sua bagagem de mão;

– Para não encarecer a passagem, não comprem nenhum serviço adicional (bagagem, escolha de assento, etc.);

– Essa dica é meio ridícula, mas lá vai: se esforcem para não perder nenhum voo do passe! Além de o voo extra custar caro, todo o restante da viagem ficará comprometido e o prejú pode ser bem grande! Então fiquem atentos aos horários dos voos. Na hora de montar o roteiro sempre deixem um gap de segurança para imprevistos, ainda mais se tratando de aeroportos. Não montem o roteiro com horários apertados, o papel aceita tudo, mas na hora H as coisas são bem diferentes!

– Caso tenham algum problema com o passe ou com o resgate dos voos entrem em contato com a equipe da AirAsia pelo Twitter @AskAirAsia, E-Form ou Live Chat. Eles são bastante prestativos!

Ufa, acho que é isso! Deu pra entender direitinho? Se alguém tiver alguma dúvida é só perguntar. Sei como é difícil organizar uma viagem para o Sudeste Asiático e ficarei feliz em poder ajudar os corajosos!


Querem uma inspiração para a sua viagem?

Confiram o meu Roteiro Sudeste Asiático: 3 Países em 1 Mês – Myanmar, Camboja e Tailândia.


9 pensamentos em “Tutorial AirAsia Asean Pass Parte II: Compra do Passe e Resgate dos Voos”

  1. Ola Marcela

    O meu Asean Pass foi confirmado e eu recebi emails dos trechos com o status de pay now para as taxas de embarque. Quando clico em pay now sou redirecionado para o site da Airasia, porém nao consigo efetuar pagto algum.

    No meu status de booking ja tenho os numeros de booking cada passagem , mas nao sei se isso é ok?
    Poderia me ajudar?
    O site é lento mesmo? sera que terei que entrar em contato com eles? FIco preocupada, pois viajo em 1 mes.

    1. Oi, Natalia! Tudo bem? Ao finalizar a compra dos trechos eu sempre recebia uma mensagem de “purchase completed” e quando conferia o “my bookings” o voo estava registrado lá com data/origem/destino e número da reserva. Se você está vendo esses dados, acredito que está tudo OK. Mas não custa nada conferir com eles, não é? Eles respondem super rápido seja por dm twitter ou e-form. Dá uma conferida no final do post, coloco os links lá. Boa viagem e aproveite muito!

  2. Oii, adorei as dicas! To na parte final de resgate dos voos e na hora de resgatar um dos voos eu consegui e uma amiga não, porem eu ainda não havia pagado a taxa de embarque e no status do booking aparece “need payment” , como eu faço pra não pagar nunca e cancelar essa pernada? ela expira sozinha apos algum tempo? sabe me dizer ?
    Obrigada desde já

    1. Oi, Nicole! Tudo bem? Fico feliz por ter gostado das dicas! Nossa, foi um sufoco conseguir resgatar os meus voos junto com os voos das minhas amigas, mas no final tudo deu certo! Tive alguns voos com o status de “need payment”. Para concluir, bastava acessar a sessão de “my bookings” e realizar o pagamento do resgate pendente. No seu caso, como você não quer honrar o resgate do voo em questão, acredito que basta não concluir a transação que a mesma expirará com o tempo. A melhor forma de esclarecer essa dúvida é entrar em contato diretamente com a airasia. Eles respondem muito rápido via twitter ou e-form. dá uma olhadinha no final do post, coloquei os links lá. Você só tem que prestar atenção em um detalhe: seus voos precisam ter uma sequência e as rotas tem que encaixar de acordo com a disponibilidade da airasia, ou seja, você tem que conectar os voos entre as cidades sem pular destinos. Se você não for resgatar esse voo em questão, tem que recalcular os créditos da sua rota e, caso seja necessário, fazer substituições. A única forma de não recalcular a rota será caso o voo “cancelado” seja o último da rota. Um pouco confuso, não é? Cuidado para não sair perdendo. Boa sorte!

  3. Boa noite Marcela. Após resgatar os voos (via desconto dos pontos), recebemos um email, com uma tarifa a ser paga ( que possui variação de local para outro), contudo sempre que clica-se para efetuar o pagamentos das mesmas (tickets são para 24 de dezembro), a pagina direciona para o site da air asia, depois para parte do booking (e ai reside o problema: a pagina carrega.. e carrega; e após longa espera aparece uma msg de erro no final). Vc teve algum problema do tipo? Como realizou o pagamento destas tarifas para concluir a marcação? Se não pagar com antecedencia eles desmarcam os trechos ou pode-se pagar essas tarifas localmente (em cada aeroporto)? Grato e parabens pelas dicas.

    1. Olá, Danillo! Obrigada pela visita! Na época em que resgatei os voos, todas as transações de pagamento foram feitas através da conta Airasia ASEAN Pass (Big Shot Account), não recebi nenhum e-mail para finalizar pagamento. Como falei no post, tive alguns problemas durante o pagamento (“need payment” e “payment unsuccessful”). Esses problemas apareciam logo depois de inserir os dados do cartão e é possível solucioná-los acessando o “My Booking” em sua conta Big Shot. Você já tentou dar uma olhadinha lá? No caso de “need payment”, as tarifas pareciam ter mudado, mas a somatória final sempre era equivalente à tarifa escolhida por você. Depois da compra, o único e-mail que recebi foi o da confirmação dos dados do voo. Se você não conseguir resgatar os voos e realizar o pagamento dos mesmos, não é possível garantir a disponibilidade dos assentos. Não é possível realizar o pagamento físico, apenas via website do Programa de Créditos da Airasia. Caso o problema ainda persistir, sugiro que você entre em contato com a Airasia através dos formulários ou twitter (links no post), eles respondem super rápido! Espero que tudo dê certo e que você consiga aproveitar muito a sua viagem!

    2. Oi Danilo,

      A minha compra deu a mesma coisa que a sua, vc conseguiu resolver? Se sim poderia me ajudar?

      Obrigada

  4. Olá Marcela,
    estou pensando em usar o Passe para conhecer a Tailândia, Laos e Camboja.
    Só que infelizmente uma bagagem será despachada. Depois que você clica em Redeem o sistema te da opção de adicional de bagagem para pagar a parte junto com as Taxas?
    Outra coisa que reparei, no sistema normal de aquisição aparece além da taxa, vat e taxa aeroportuaria. E em muitos trechos o valor dessas taxas são bem mais caras que as tarifas, não são?

    Suas dicas ajudaram muito a começar a pesquisar o passe!

    Abs
    Marcel

    1. Oi, Marcel! Se minha memória não falha, em algum momento da compra você tem a opção de escolher os serviços adicionais (escolha de assento, comida a bordo e bagagem despachada). Como não usei nenhum deles, não sei te informar o valor preciso. Exatamente, às vezes a somatórias das taxas ultrapassa o valor da tarifa (principalmente no caso de voos internacionais). Dentro do passe, as taxas dos voos que comprei variaram entre U$3,00 – U$30,00. O passe é uma opção super econômica pra quem quer conhecer várias cidades/países. Ao todo, comprei o passe + 8 voos (com taxas inclusas) e paguei apenas U$239,30 Espero ter ajudado! Boa viagem e divirta-se!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *